15 MAR 2019 Resumo da nona rodada Deive Gessinger

A 9ª rodada do Gauchão encerrou na noite de terça-feira com surpresa no Estádio Bento Freiras, em Pelotas. Jogando em casa, o Brasil levou uma sapecada do São Luiz e segue a perigo no campeonato. A vitória por 4 a 1 dos visitantes foi construída toda na segunda etapa.

O Xavante até saiu na frente no marcador. Logo aos 15 do primeiro tempo, o atacante Bruno Paulo aproveitou cruzamento rasteiro de Ricardo Luz e mandou para as redes. 1 a 0 Brasil, que foi para o intervalo em vantagem.

Mas o time da casa voltou do vestiário como aquele vivente que come três “pratão” de vaca atolada no almoço. O São Luiz, que não é bobo, aproveitou a “morgadeira” dos locais e meteu logo três buchas em nove minutos. Marcão empatou aos 2, João Marcus virou aos 7 e Leílson fez o terceiro aos 9 minutos. E não demorou muito pra virar goleada. De novo Marcão, artilheiro do campeonato com 6 gols, ao lado de Rafael Gava do Caxias, marcou o 4º dos visitantes aos 19 da etapa final.

Quando o Xavante acordou, já tinha ido o boi com a cordas. Com o resultado, o Brasil segue a perigo no campeonato, com 7 pontos, apenas um a mais que o Avenida, que hoje estaria rebaixado. Já o Rubro de Ijuí deu um salto na tabela, passando a ocupar a 4ª colocação, com 14 pontos e praticamente classificado para a próxima fase.

 

Rodada teve média de 3 gols por jogo

O duelo da noite de terça não foi o único cheio de gols na 9ª rodada. No total, foram 18 tentos em seis partidas. O único jogo em que a bola não balançou o barbante foi no duelo entre o Veranópolis e o Pelotas, na Serra Gaúcha. O 0 a 0 complicou de vez a situação dos donos da casa, que seguem na lanterna com apenas 4 pontos e estão virtualmente rebaixados. O Lobo foi a 12 pontos e acabou a rodada na 7ª colocação.

Os jogos de sábado tiveram duas goleadas pelo mesmo placar. No clássico Ca-Ju, o Caxias sapecou um 3 a 0 pra cima do Juventude em pleno Alfredo Jaconi. Rafael Gava (2x) e Júnior Alves marcaram os gols. Com o resultado, o Grená manteve a 3ª colocação na tabela, com 16 pontos. No Ju, o técnico Luiz Carlos Winck não resistiu à derrota. Para o seu lugar, Marquinhos Santos foi contratado com a missão de classificar o Jaconero para a próxima fase. O alvi-verde é o 9º colocado no campeonato com 10 pontos.

No outro jogo do dia, o Grêmio venceu o São José, na Arena, por 3 a 0. Com uma equipe alternativa, o tricolor chegou à vitória com gols de Montoya, Pepê e André. O resultado manteve a liderança isolada do campeonato, agora com 23 pontos. O Zequinha caiu para a 6ª posição, com 12.

No domingo, o Inter, vice-líder com 19 pontos, também poupou os titulares e mesmo assim venceu o Aimoré. O Colorado chegou à vitória com gols de Sarrafiore e Rafael Sóbis. Com a derrota, o Índio Capilé caiu para 8º, fechando a zona de classificação.

A outra goleada da rodada foi no duelo entre Novo Hamburgo e Avenida, na segunda-feira. O Anilado aproveitou o fator local e venceu por 4 a 1 com gols de Héctor Bustamante (2x), Leandro Cearense e Rodrigo Paulista. Flávio Torres descontou para o Nida, que após o jogo demitiu o técnico Fabiano Daitx. Com o resultado, o Noia chegou aos 14 pontos, fechando a rodada em 5º. O alvi-verde de Santa Cruz do Sul segue na penúltima colocação com 6.

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário