20 JAN 2018 Caxias faz 5 a 3 no Grêmio Deive Gessinger

Grená chegou a estar perdendo por 3 a 1 e virou para 5 a 3, em plena Arena. (Foto: BandRS)

A vitória grená coloca a equipe na liderança isolada e consolida o início avassalador no Gauchão. Em dois jogos, duas vitórias, com oito gols marcados e saldo positivo de cinco.

A gurizada gremista começou envolvendo o equipe da Serra e não demorou muito para abrir o placar. Logo aos 5 minutos, Madson chegou a linha de fundo e cruzou rasteiro, Lima fez corta-luz para Jean Pyerre, que parou em bela defesa de Gledson, no rebote, Isaque mandou pro gol. O torcedor ainda aplaudia, quando em cobrança de falta da esquerda ofensiva, Nícolas antecipou-se aos zagueiros e cabeceou firme no canto direito de Bruno Grassi, era o aviso que o time de Winck não iria se intimidar na Arena, 1 a 1.

Na sequência, em bobeira da zaga do Caxias, o Tricolor chegou ao segundo gol. Isaque cruzou para Lima, na sobra Matheus Henrique só escorou e recolou o time de César Bueno na frente. O gol tonteou os visitantes, que três minutos depois já levava o terceiro gol. Pepê passou para Jear Pyerre sozinho, que não desperdiçou, 3 a 1.

O Grêmio seguia dominando e o torcedor esboçava um grito de olé, quando o zagueiro Laércio aparou cruzamento de Julinho e testou firme para diminuir o escore, 3 a 2 em um primeiro tempo eletrizante.

Segunda etapa iniciou com a equipe Grená mais solta e Nícolas em tarde iluminada, dando dois sustos seguidos a Bruno Grassi. Primeiro em belo chute com a canhota, na sequência, em bela cabeçada que por pouco não entrou. Pouco depois, em lance bizarro do estreante Madson, a bola que aparentemente era tranquila, pegou em sua mão e o árbitro Vinícius Amaral assinalou penalidade máxima. João Paulo com extrema categoria, cobrou e deixou tudo igual. 3 a 3 e a metralhadora do matador aparecia na tarde de sábado.

Nitidamente o empate deixou a gurizada tricolor abatida e o Caxias, cancheiro e peleador chegou a virada novamente com o zagueiro Laércio, após cobrança de escanteio, em falha de Bruno Grassi. Com a virada, o Caxias passou a “cozinhar” a peleia e caminhava para a vitória, quando Carlos André tomou o segundo amarelo, é foi expulso. No final, o Grêmio tentou uma pressão, mas em contra-ataque foi surpreendido pelo chute despretensioso de Daniel Cruz, que entrou mansamente no canto direito de Bruno Grassi, que novamente falhou.

Fim de papo na Arena do Grêmio. Vitória maiúscula do Caxias, que dorme na liderança isolada do Gauchão e mostra muita força em seu início de temporada.

Na terceira rodada, o Caxias recebe o Internacional na quarta-feira (24), já o Grêmio busca a reabilitação em Santa Cruz do Sul, diante do Avenida.

FICHA TÉCNICA

Grêmio: Bruno Grassi; Madson, Ruan, Mendonça e Guilherme Guedes; Balbino (Patrick), Matheus Henrique, Jean Pyerre, Lima e Pepê (Tilica); Isaque (Alisson). Técnico: César Bueno

Caxias: Gledson: Cleiton Garcia, Junior Alves, Laércio e Julinho; Régis; Rafael Gava, Diego Miranda, Túlio Renan (Carlos André) e Nícolas (Daniel Cruz); João Paulo (Geninho). Técnico: Luís Carlos Winck

Gols: Jean Pyerre (G) Matheus Henrique (G), Isaque (G), João Paulo (C), Nícolas (C) Daniel Cruz (C) e Laércio duas vezes (C).

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre

 

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário