31 JAN 2018 Caxias empata e está fora da Copa do Brasil Juliano Ortiz

O Caxias faz um trabalho neste início de ano digno de respeito. A equipe treinada pelo técnico Luiz Carlos Winck é a única com 100% de aproveitamento no Gauchão 2018 e lidera a competição com 12 pontos. Os mesmos elogios que podem ser feitos pela campanha até aqui no estadual, podem ser repassados à partida feita diante do Atlético-PR, na estréia pela Copa do Brasil 2018.

Caxias empata em casa e é eliminado sem sofrer gols (Foto: Luiz Erbes / S.E.R. Caxias)

Com um regulamento sem pé nem cabeça, em que na primeira rodada da Copa do Brasil, o visitante (na maioria das vezes, infinitamente melhor que o time da casa) pode se classificar para próxima fase com um simples empate, o Caxias foi eliminado – em casa – sem sequer tomar um gol. Acontece que, de acordo com o regulamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), os times melhores ranqueados de acordo com a entidade máxima do futebol brasileiro, tem prioridade no empate diante dos times mandantes (ressalta-se, apenas na primeira fase). A partir da segunda fase, em caso de empate, as partidas serão decididas através dos pênaltis. O critério comum às duas primeiras fases, é que ambas serão disputadas em partida única.

Mas “bamos” ao que interessa. Quando a bola rolou no Centenário, ciente da responsabilidade que tinha, o Caxias se jogou ao ataque em busca do gol que poderia garantir a classificação, diante de um time de Série A. Mas, se de um lado, o goleiro grená – Gledson – fechou o gol, Santos também defendeu bolas decisivas para garantir que o Furacão pudesse sair classificado do confronto.

Nícolas, jogador destaque do Caxias no Gauchão 2018, tentou como pôde articular jogadas e João Paulo não poupou esforços na busca pelo gol. As duas equipes tiveram chances de abrir o placar, mas, o Atlético-PR jogou com o regulamento a seu favor e soube levar a partida até o final no placar favorável de 0 a 0. A torcida grená fez uma bonita festa em Caxias, reconheceu o empenho do time e o trabalho do treinador, mas isso não foi o suficiente para evitar a eliminação do time já na estreia da competição nacional.

Outros gaúchos tentarão a sorte nos mesmos moldes do Caxias. O Aimoré faz o primeiro jogo de sua história na Copa do Brasil, recebendo o Cuiabá/MT no Cristo Rei, em São Leopoldo. O Novo Hamburgo, estreia diante do Paysandu, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. Os dois times precisam vencer, não importa o placar, para avançar à segunda fase da Copa do Brasil 2018.


FICHA TÉCNICA

Caxias: Gledson; Cleiton, Junior Alves, Laércio, Julinho (Ramon); Régis, Rafael Gava, Diego Miranda; Tulio Renan (Daniel Cruz), Nicolas, João Paulo (Carlos André). Técnico: Luiz Carlos Winck

Atlético-PR: Santos; Paulo André, Wanderson e Thiago Heleno; Jonathan, Rosseto (Guimarães), Guilherme (Bergson) e Carleto; Nikão (Pablo), Ribamar e Raphael Veiga. Técnico: Fernando Diniz

Gols: (partida sem gols)

Local: Estádio Centenário

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário