09 SET 2017 Juventude bate o Inter e encosta no G-4 Fernando Rascado

Jaconero vai terminar 2017 sem perder para o Internacional (Foto: Arthur Dallegrave / E.C.Juventude)

O Juventude venceu o Internacional na tarde desta sábado (9), pela 23ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Colorado criou mais chances no primeiro tempo, mas quem saiu na frente foi o Jaconero com Micael. Não demorou muito e Gutiérrez deixou tudo igual. Já na etapa final, o Alviverde mostrou sua força em casa e garantiu a vitória com Yago, em um rápido contra-ataque.

Com mais três pontos, o Juventude foi para 37 e manteve o sexto lugar, só que agora com a mesma pontuação do quarto colocado Ceará, ficando atrás pelo número de vitórias (11 a 10) e atrás do Paraná, quinto colocado, pelo saldo de gol (12 a 6). Na próxima rodada o Jaconero enfrenta o Criciúma fora de casa, nesta terça-feira (12), às 21h30min.

O JOGO
A primeira chegada foi do Inter. Aos seis minutos, Pottker tocou para Edenílson, que chutou cruzado e o goleiro Matheus espalmou. O Colorado chegou mais vez com perigo aos 12 minutos. Lateral na área, a bola sobrou para Gutiérrez chutar, mas a bola desviou na zaga e saiu por cima do gol.

A primeira boa chance do Jaconero já serviu para balançar as redes. Aos 29, cobrança de escanteio de Pará e Micael cabeceou sem chances para Danilo Fernandes, 1 a 0.

O Inter não se abateu e chegou ao empate dois minutos depois. Damião lançou Felipe Gutiérrez, que chutou em cima de Matheus, mas no rebote a bola bateu no chileno e foi pro gol vazio, 1 a 1.

No segundo tempo quem começou pressionando foi o Juventude. Pará cobrou falta no canto direito de Danilo, que fez bela defesa. O time de Porto Alegre respondeu logo em seguida. Sasha passou para Gutiérrez, que arriscou mesmo sem o melhor ângulo e a bola saiu por cima.

A partida seguia muito disputada, mas a próxima boa chance de gol no confronto só foi surgir aos 34 minutos. Edenílson cruzou para Damião, que cabeceou pro gol e Matheus fez grande defesa. Dois minutos depois, Nico aproveitou uma falha da zaga e ficou livre na cara do gol, mas o uruguaio parou em Matheus mais uma vez.

O Jaconero aproveitou um rápido contra-ataque e após lançamento de Wesley Natã, Yago entrou livre na área e só precisou deslocar o goleiro Danilo Fernandes, 2 a 1.

No final, o Inter tentou uma pressão em busca do empate, mas defesa Alviverde não vacilou e o Juventude garantiu uma vitória importante pra festa da Papada.

FICHA TÉCNICA

Juventude: Matheus Cavichioli; Vidal, Domingues, Micael e Pará; Fahel, Lucas, Leilson (Yago), Juninho Silva e Ramon (Wesley Natã); João Paulo (Mateus Santana). Técnico: Gilmar Dal Pozzo

Internacional: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Klaus (Ernando), Víctor Cuesta e Uendel; Charles, Edenílson, Felipe Gutiérrez (Juan), William Pottker (Nico López) e Eduardo Sasha; Leandro Damião. Técnico: Guto Ferreira

Gols: Micael (J), Yago (J) e Gutiérrez (I)

Local: Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário