02 JUL 2017 Brasil sofre goleada em Belo Horizonte Fernando Rascado

Xavante segue atuando mal fora de casa e desta vez foi goleado pelo América-MG (Foto: Jonathan Silva/AI GEB)

Caiu no Horto tá morto! Essa frase famosa pela torcida do Atlético Mineiro, também serviu para o América na noite de sábado contra o Brasil, pela 11º rodada da Série B. O Xavante teve uma atuação pra esquecer e perdeu por 3 a 0 para o Coelho.

Renan Oliveira abriu o placar ainda no primeiro tempo. Já na etapa final, Pará e Bill liquidaram a fatura. O zagueiro Evaldo que voltava de suspensão, acabou sendo expulso.

Com o resultado o Xavante caiu para 14ª colocação com 14 pontos e na próxima rodada enfrenta o Santa Cruz na Arena Pernambuco, na sexta-feira (7), às 19h15min.

O JOGO
O primeiro tempo foi muito fraco. O Brasil não ameaçou o gol adversário nos primeiros 45 minutos. Pelos menos o Xavante conseguia se defender sem sustos. Só que aos 35 minutos a primeira falha foi fatal. Pará cobrou escanteio fechado, Eduardo Martini saiu mal, e Renan Oliveira só tocou pro gol vazio, 1 a 0.

O time da casa ainda perdeu duas boas chances para ampliar no primeiro tempo. Aos 41, Luan mandou a bomba da entrada da área, a bola desviou em Evaldo e quase encobriu Martini. Já aos 44 minutos, Pará passou para Luan, que finalizou e Martini defendeu.

O Coelhão voltou com tudo pro segundo tempo. Logo aos oito minutos, Pará cobrou falta com perfeição, no ângulo esquerdo, sem chances para Eduardo Martini, 2 a 0.

Com o jogo nas mãos, o América passou a administrar a vantagem, enquanto o Brasil tentava uma reação, mas seguia sem levar nenhum perigo pro gol do goleiro João Ricardo. A situação piorou ainda mais aos 35 minutos. O zagueiro Evaldo, que estava retornando de suspensão, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.

O time mineiro ainda marcou o terceiro nos acréscimos. Matheusinho chutou cruzado e Bill apenas desviou pra marcar o terceiro e definir o placar no Horto, 3 a 0.

FICHA TÉCNICA

Brasil: Eduardo Martini, Wender (Ednei), Leandro Camilo, Evaldo, Breno, Itaqui, João Afonso, Wagner (Juninho), Rafinha, Marcinho e Lincom (Rodrigo Silva). Técnico Rogério Zimmermann.

América-MG: João Ricardo, Christian (Ruy), Rafael Lima, Messias, Pará, Ernandes, Renan Oliveira, Zé Ricardo, Hugo Cabral (Matheusinho), Luan (David) e Bill. Técnico Enderson Moreira.

Gols: Renan Oliveira (A), Pará (A) e Bill (A).

Cartão vermelho: Evaldo (B)

Local: Estádio Independência, em Belo Horionte

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário