03 JUN 2017 São Luiz vence e vai jogar o Gauchão 2018 Fernando Rascado

São Luiz sofreu gol em casa e mesmo assim teve força pra busca o saldo necessário (Foto: Pedro Brikalski / Especial)

O dia 3 de junho de 2017 jamais será esquecido em Ijuí. Foi o dia em que o time da cidade, o tradicional São Luiz, precisou superar um gramado impraticável e principalmente precisou passar por um forte adversário para ficar com uma das vagas no Gauchão 2018.

A tarefa no início parecia que não seria difícil.  Logo aos sete minutos, pressão do São Luiz na área do Inter e no rebote Léo Mineiro mandou pro fundo do gol, 1 a 0.

O resultado parcial levava a decisão para os pênaltis. Só que o Alvirrubro de Santa Maria não se abateu e aos 22 minutos deixou tudo igual no placar. Eduardo foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para Chiquinho, que só tocou no canto do goleiro Jonatas, 1 a 1.

Com o empate, o São Luiz precisava vencer por dois gols de diferença. O clima esquentou no final do primeiro tempo. Troca de empurrões entre as duas equipes e o Vuaden não quis nem saber e expulsou um jogador de cada lado. Ayrton do Inter e Ari do São Luiz.

A etapa final prometia ser dramática para o time da casa, que precisava de dois gols e o estado do gramado não permitia muito toque de bola. Mas a sorte parecia sorrir para os lados de Ijuí. Logo aos três minutos, Ronaldinho Gramadense cobrou uma falta de muito longe, a bola quicou antes e entrou no canto esquerdo de Ian, 2 a 1.

O gol cedo fez com que o São Luiz partisse com tudo pra cima, quanto o Inter tentava se defender como dava. O técnico visitante tirou o goleador Eduardo e colocou o zagueiro Alemão para tentar segurar a vaga. Só que a decisão fez o time da casa alugar o campo de ataque, sem medo dos contra-ataques.

A pressão surtiu efeito aos 22 minutos. Vuaden marcou pênalti. Léo Mineiro cobrou bem e marcou o gol que daria a vaga para o São Luiz.

No momento quem tava no prejuízo era o Inter, que precisou alterar totalmente a forma de jogar para buscar o gol. Aos 28 minutos, Willian Luan fez ótima jogada e iria sair na cara do gol, quando foi puxado por Gonçalves. Vuaden mandou pra rua o zagueiro do São Luiz, deixando a equipe com nove em campo.

No desespero e com um homem a mais o time de Santa Maria partiu com tudo pra cima, ma não conseguia levar muito perigo e para pior, aos 44 minutos, o São Luiz encaixou um ótimo contra-ataque e Jean Dias marcou o quarto gol, decidindo o confronto e garantindo o time de Ijuí no Gauchão 2018.

No apito final muita festa, o São Luiz volta para a primeira divisão depois de três anos. Mas ainda não acabou a Segundona para o Alvirrubro. A equipe do técnico Paulo Henrique Marques ainda aguarda o vencedor do confronto entre Avenida e Lajeadense para decidir o título. No jogo de ida o Periquito venceu por 2 a 1 fora de casa. A partida da volta será neste domingo (4), às 15h30min e o Esportchê vai transmitir ao vivo direto dos Eucaliptos.

FICHA TÉCNICA

Inter-SM: Ian; Théo, Dionatan, Paulo Henrique e Cássio; André, Marquinhos, Ícaro (Felipe Gaúcho), Chiquinho (Wallan Luan) e Ayrton; Eduardo (Alemão). Técnico: Vinicius Munhoz

São Luiz: Jonatas; Maicon, Gonçalves, Talheimer e Xaro; Zé Lucas (Mateus), Jeferson Pril e Ronaldinho Gramadense; Jean Dias, Ari e Léo Mineiro. Técnico: Paulo Henrique Marques

Gols: Léo Mineiro duas vezes (SL), Ronaldinho Gramadense (SL), Jean Dias (SL) e Chiquinho (I)

Expulsões: Ari (SL), Gonçalves (SL), Ayrton (I) e Cássio (I)

Local: Estádio 19 de Outubro, em Ijuí

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário