04 JUN 2017 Juventude sai com um ponto do Beira-Rio Fernando Rascado

O Juventude foi guerreiro mais uma vez, saiu perdendo no Beira-Rio e foi buscar o empate no fim (Foto: Arthur Dallegrave / E.C.Juventude)

Inter e Juventude fizeram o duelo de gaúchos na Série B do Campeonato Brasileiro na noite deste sábado (3). As duas equipes chegaram para esta quarta rodada em situações opostas. O Colorado vinha de derrota pro Paysandu, de eliminação na Copa do Brasil e tinha estreia do técnico Guto Ferreira. Já o Jaconero vinha de vitória contra o Paraná e estava dentro do G-4.

Gols apenas no segundo tempo. Nico López abriu o placar para o Inter logo no começo da etapa final, mas Thiago Marques de cabeça deixou tudo igual no final da partida, mas mantendo Ju na zona de classificação.

Com o resultado o Colorado subiu para o 10º lugar com cinco pontos e na próxima rodada enfrenta o Figueirense fora de casa, na terça-feira (6), às 20h30min. Enquanto o Alviverde é o terceiro com oito pontos e na quinta rodada vai receber o Criciúma, às 19h15min.

O JOGO
A partida começou com os dois times chegando no ataque. Aos dois minutos, Leílson cruzou rasteiro e Tiago Marques tentou de carrinho, mas não conseguiu empurrar a bola pro gol vazio. O Inter respondeu no minuto seguinte, Carlinhos cruzou e Nico López chegou chutando, mas isolou a bola.

A partir do cinco minutos a partida ficou muito disputada com o Jaconero bem fechado e o Inter tentando atacar, porém sem muito sucesso. O time da casa só voltou a levar perigo aos 25 minutos. D’Alessandro cobrou a falta fechada do lado direito e a bola passou muito perto, Matheus chegou a tocar na bola, mas o árbitro disse que a redonda já tinha saído.

No final do primeiro tempo o time de Caxias quase abriu o placar em duas oportunidades. Aos 39, Bruno Collaço cobrou falta no canto direito de Danilo e o goleiro Colorado fez grande defesa. Aos 43 minutos, Caprini dividiu com Danilo e ficou com rebote, o atacante mandou pro gol e Edenílson salvou em cima da linha.

SEGUNDO TEMPO
A etapa inicial já começou com gol do Inter. Logo aos dois minutos, Carlos passou para Nico López, que soltou a bomba, sem chances para Matheus, 1 a 0.

Após sair o gol, o Inter passou a controlar mais o jogo e não dava chances para o Alviverde chegar com perigo. Aos 21 minutos quase que o Colorado ampliou. Pottker cruzou para Carlos, que entrou livre e chutou por cima do gol de Matheus.

Aos poucos o Juventude começou a chegar com perigo. Aos 23 minutos, Juninho arriscou de fora da área e Danilo fez boa defesa. A maior presença no campo ofensivo deu resultado aos 38 minutos. Vinícius cruzou para Tiago Marques, mandou de cabeça no canto, sem chances para Danilo, 1 a 1.

O Juventude se empolgou com o gol e quase saiu vencedor do Beira-Rio. Aos 43, contra-ataque rápido, Tiago Marques passou para Ramon, que bateu cruzado e Danilo fez uma grande defesa, salvando do Inter da derrota.

No apito final muitas vaias para o time da casa e muita festa da Papada no Beira-Rio. No lado de fora a torcida protestou contra os jogadores e a diretoria. Os atletas tiveram que deixar o estádio escondidos.

FICHA TÉCNICA

Internacional: Danilo Fernandes; Junio (Fabinho), Léo Ortiz, Victor Cuesta e Carlinhos; Rodrigo Dourado, Uendel (Carlos), Edenílson e D’Alessandro; William Pottker e Nico López (Eduardo Sasha). Técnico: Guto Ferreira.

Juventude: Matheus Cavichioli, Vinícius (Micael), Domingues, Ruan, Bruno Collaço, Fahel (Diego Felipe), Lucas, Juninho, Leílson, Caprini (Ramon) e Tiago Marques. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Gols: Nico López (I) e Thiago Marques (J),

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário