16 MAIO 2017 Empate frustrante Fernando Rascado

Xavante saiu na frente, mas sofreu o empate na etapa final e segue na parte de baixo da tabela (Foto: Carlos Insaurriaga/GEB)

O Brasil não estreou em casa na Série B 2017 como o torcedor esperava. Contra o Londrina pela segunda rodada, o Rubro-Negro até chegou a mostrar um melhor futebol do que nos últimos jogos, criando várias chances, mas a vitória que mais importava não veio. O Rubro-Negro saiu na frente com Rodrigo Silva em cobrança de pênalti no primeiro tempo. Só que na etapa final o Tubarão aproveitou uma saída errada de jogo e Jonatas Belusso fez a lei do ex prevalecer mais uma vez.

Com o empate o Brasil marcou seu primeiro ponto na competição e volta a campo na próxima sexta-feira (26) contra o Goiás, fora de casa, às 21h30min.

O JOGO
O Xavante dominou praticamente todo o primeiro tempo. Logo aos quatro minutos, Wender cruzou, a bola sobrou para Rodrigo Silva, que na cara do gol chutou para fora. Aos 18, Tubarão reagiu, Lucas Ramon arriscou de muito longe e a bola passou perto do gol de Eduardo Martini.

O Brasil voltou ao ataque aos 28 minutos, em rápido contra-ataque, Elias chutou de fora da área e  a bola passou raspando a trave do goleiro Zé Carlos. Aos 32, Rafinha tentou o drible e a bola bateu no braço de Ícaro, o juiz marcou o pênalti. Rodrigo Silva cobrou no canto e abriu o placar no Bento Freitas. O atacante marcou o seu primeiro gol pelo Xavante.

O Rubro-Negro queria mais, aos 42, João Afonso pegou a sobra de fora da área, e soltou uma boma, a bola passou muito perto do gol mais uma vez. No último lance do primeiro tempo, Celsinho deixou Elton na cara do gol, mas o atacante chutou pra fora.

SEGUNDO TEMPO
A etapa final continuou com pressão Xavante. Aos quatro, Marlon cruzou, Elias bateu da entrada da área e Zé Carlos fez uma grande defesa. No rebote, Wender mandou por cima do gol. Dois minutos depois veio o castigo por perder muito gols. Elton cruzou e Jonatas Belusso mandou pro fundo do gol, Marlon tentou afastar, mas a bola já tinha entrado, 1 a 1.

O Brasil não sentiu o gol e seguiu atacando. Aos 10 minutos, Marlon chutou de fora da área, Bruno Lopes desviou no meio do caminho e a bola saiu por cima do gol. Um minuto depois, João Afonso arriscou de longe e o goleio Zé Carlos quase aceitou. O LEC quase virou aos 13 minutos. Artur ganhou de Wender por cima, invadiu a área e tocou pro gol e João Afonso afastou o perigo.

Com o passar do tempo o Brasil começou a errar muito na criação das jogadas e as chances de gol desapareceram, como o Londrina estava gostando do resultado, os paranaenses passaram a administrar o empate e só atacavam em contra-ataques. Nem mesmo a estreia do meia Wagner ajudou o Xavante a sair com a vitória. Após o apito final uma cena curiosa. O goleiro Zé Carlos reclamou do zagueiro Luizão, que não gostou e empurrou o goleiro, que precisou ser segurado pelo companheiros.

FICHA TÉCNICA

Brasil: Martini; Wender, Leandro Camilo, Evaldo e Marlon; Leandro Leite, Bruno Lopes (Wagner), João Afonso (Itaqui) e Elias; Rodrigo Silva e Rafinha (Marcinho). Técnico: Rogério Zimmermann

Londrina: Zé Carlos; Lucas Ramon, Matheus, Silvio (Luizão) e Igor Miranda; Ícaro, Jardel, Elton Martins (Safira) e Celsinho (Rafael Gava); Artur e Jonatas Belusso. Técnico: Claudio Tencanti

Gols: Rodrigo Silva (B) e Jonatas Belusso (L)

Local: Estádio Bento Freitas, em Pelotas

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário