08 MAR 2015 E tome-lhe jogada aérea Juliano Ortiz

A vida do Avenida não está fácil nessa edição do Campeonato Gaúcho. A situação da equipe é delicada e o início de uma reação já está mais do que na hora para evitar o retorno à Divisão de Acesso. O Periquito recebeu o Passo Fundo nos Eucaliptos e precisava da vitória para deixar a zona de rebaixamento e aliviar a pressão que vem das arquibancadas já a algum tempo. Por sua vez, o Passo Fundo – em situação semelhante, mas não igual – tem respirado um pouco mais de ar puro, fora do Z3.

Michel, atacante do Passo Fundo, segue seu caso de amor com os gols (Foto: Rodrigo Assmann)

Michel, atacante do Passo Fundo, segue seu caso de amor com os gols (Foto: Rodrigo Assmann)

O time da casa saiu na frente após Henrique fazer a carga em Maurício, aos 11 minutos. Na cobrança da penalidade, Paulinho Simionato fez 1 a 0 e embalou as esperanças da torcida alviverde em deixar a zona da degola. Só que a alegria dos Periquitos não durou muito. Na volta do intervalo, o Passo Fundo voltou diferente, focado em buscar a virada e complicar ainda mais a situação do Avenida na competição.

Com a entrada do atacante Branquinho, os visitantes mudaram a postura do primeiro tempo e já no primeiro minuto da etapa complementar conseguiram deixar tudo igual. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Márcio Nunes cabeceou e empatou a partida. Aos 10 e aos 15 minutos, também em dois lances de bola aérea, o centroavante Michel – agora artilheiro do Gauchão com sete gols – anotou o gol da virada e logo em seguida ampliou. Final: Avenida 1 x 3 Passo Fundo.

Na próxima rodada os comandados do técnico Alfinete terão o VEC pela frente, lá no Antônio David Farina, em Veranópolis. Jogando em casa, o Passo Fundo recebe o líder Brasil de Pelotas. Os dias e horários das duas partidas tu podes conferir aqui.

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário