11 SET 2014 Três semifinalistas definidos Leandro Lopes
Marau e Internacional se enfrentaram com um bom público na Arena Bebber. (Foto: Alessandra Formagini)

Marau e Internacional se enfrentaram com um bom público na Arena Bebber. (Foto: Alessandra Formagini)

A quarta-feira chuvosa no Rio Grande do Sul teve bola rolando nas canchas do interior. Nos Plátanos, em Santa Cruz do Sul, o fenômeno Lajeadense enfrentou o Galo à tarde. Com campanhas distintas na Copa Sul-Fronteira, competição liderada pelo alvinegro e que o alviazul nem figura no G-4, as duas equipes duelaram na terra do fumo para saber quem avançaria à semifinal da Copa Fernandão. No primeiro jogo, vitória do Lajeadense por 1 a 0 em Lajeado. O jogo da volta foi movimentado, mas o primeiro tempo acabou no 0 a 0. Precisando da vitória o time da casa foi pra cima. Mas foram os visitantes que abriram o placar. Aos três minutos da etapa final Gilmar, o metralha, fez 1 a 0 e aumentou a vantagem alviazul. O Santa Cruz precisava de três gols. Valença, aos 29 minutos, fez um. Mas o Galo parou por aí. E pra piorar a situação, o Dense fez o segundo com Michel, três minutos mais tarde. A vitória foi administrada até o fim e o time de Lajeado se classificou.

Também à tarde, na outra partida, o Esportivo recebeu o São José em Bento Gonçalves. Depois da vitória por 1 a 0 no Passo D’Areia, o Zequinha podia se dar ao luxo de jogar pelo empate. Mas o time do técnico Gilson Maciel não se acomodou com a vantagem e saiu na frente aos 18 minutos do primeiro tempo com gol de Henrique. O empate do Leão veio também na primeira etapa. Aos 29, Róbson deixou tudo igual. Depois do intervalo o Esportivo marcou o segundo logo cedo. Com seis minutos Gean virou o jogo. O Tivo ainda precisava de um gol para se classificar para a próxima fase, mas a retranca do time da capital foi eficiente e o jogo acabou mesmo no 2 a 1. Ao apito final da arbitragem os jogadores do São José se deitaram no gramado e puderam, enfim, festejar a classificação.

Mais tarde, à noite, o Marau enfrentou o Internacional na Arena Bebber. O colorado tinha a vantagem de jogar pelo empate, já que havia vencido o alvirrubro serrano por 2 a 1 na Morada dos Quero-Queros. E a vantagem aumentou logo aos três minutos da etapa inicial. Aylon fez 1 a 0 para o Inter. O Marau não conseguiu reagir e a vaga ficou mesmo com os guris do colorado.

Nesta quinta-feira (11) o Pelotas recebe o Guarani de Venâncio Aires na Boca do Lobo. O primeiro confronto, no Edmundo Feix, acabou empatado sem gols. Empate por 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Empate com gols classifica o Guarani. Quem vencer, é claro, fica com a vaga.

Os confrontos ficaram assim:

SÃO JOSÉ x LAJEADENSE
INTERNACIONAL x (PEL ou GUA)

Gostou? Então compartilha, tchê!
Deixa teu comentário